Bilac Pinto assina contrato para perfuração de poços artesianos em localidades atingidas pela seca

O secretário de Estado de Desenvolvimento Regional, Política Urbana e Gestão Metropolitana e deputado federal pelo PR Minas, Bilac Pinto, assinou nesta semana, na cidade Administrativa, o contrato com as empresas vencedoras da licitação para iniciar a perfuração de 112 poços artesianos em 76 municípios do Estado que enfrentam problemas com a falta de abastecimento de água. Grande parte das localidades atendidas fica situada na região norte de Minas e nos Vales do Jequitinhonha e Mucuri.

Para a realização destas obras serão investidos pelo governo de Minas, através do programa de Infraestrutura Municipal (ProInveste), R$8,3 milhões de reais. Ao todo, esta ação do governo de Minas irá beneficiar cerca de onze mil mineiros que sofrem com a falta de água de qualidade para consumo.

De acordo com Bilac Pinto, o governo de Minas vem intensificando suas ações nas regiões com os menores IDHs do Estado, proporcionando a melhoria e a ampliação de serviços que são essenciais para a população. “Este programa que está sendo executado pelo governo de Minas é mais um que visa proporcionar a melhoria das condições de vida da população que vive nos municípios mais carentes do Estado, com esta ação vamos levar água de qualidade para pessoas que sofrem com a seca. Ainda dentro do Proinveste, o Estado vai construir quase dez mil módulos sanitários, beneficiando famílias que nunca tiveram banheiros em suas casas” explicou.

Fortalecimento Municipal

O contrato assinado pela Sedru faz parte do conjunto de investimentos anunciados pelo governador Anastasia no final de 2013 para obras de pavimentação e saneamento básico em 255 municípios mineiros. Ao todo serão liberados R$120 milhões para melhorar a infraestrutura das cidades mineiras.

O objetivo é dotar os municípios de infraestrutura adequada e, consequentemente, melhorar a qualidade de vida dos cidadãos. O montante a ser investido é oriundo de operações de crédito contratadas pelo Estado junto ao Banco do Brasil e ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Fonte: Assessoria Bilac Pinto

Esta entrada foi publicada em Destaque, Notícias e marcada com a tag , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.